Motorola Xoom – Um Tablet de referência



O segmento dos tablets ainda está longe de ser um nicho significativo de mercado, no entanto, diversas marcas já venderam várias dezenas de milhões destes aparelhos, como é o caso da Apple, e da Samsung.
Com a Apple num sólido primeiro lugar na venda destes aparelhos, e o iPad, como modelo de referência, é por vezes difícil recriar algo onde não existem muitas variantes para o caso do hardware, e cujo o preço de desenvolvimento de software próprio vai muito além das possibilidades das maiores marcas que querem entrar no sector.
Uma vez que o iOS é fechado, e o Linux ainda não está à altura deste novo desafio, o Android é a plataforma de salvação para marcas como a Motorola.
O XOOM foi apresentado na CES 2011 como o primeiro tablet que não corria software para smartphone, assim como o primeiro “tão rápido como um computador”. Uma frase que agora também é usada em publicidades de outros aparelhos como o LG Maximo 2X.

Todas as características deste Tablet no seguimento deste artigo:

Processor: NVIDIA Tegra 2 1Ghz dual-core processor
OS: Android 3.0 Honeycomb
Display: 10.1” 1280×800, touch screen, pinch to zoom
Connectivity: 3.5mm jack, micros USB 2.0, WiFi b/g/n. Bluetooth 2.1 + EDR + HID, aGPS
Network: 3G, 4G LTE upgradeable, tethering and personal hotspot
Camera: backside 5 MP with dual LED flash – frontside 2 MP camera (webcam) – autofocus
Video: 720p capture – 1080 p playback – flash support in web browser
Memory: 32 GB built-in, 1GB DDR2 RAM, SD slot supported after update
Sensors: Proximity, ambient light, barometer, gyroscope
Battery life: estimated by manufacturer at up to 10 hrs for video playback
Weight: 730 g – 1.6 lbs
Size: 249.1 mm x 167.8 mm x 12.9 mm

A configuração deste aparelho, elevou a fasquia de desempenho dos tablets. Nas mais diversas tarefas, este ainda é um dos melhores tablets da actualidade, no entanto, a massificação de componentes como o Chip NVIDIA Tegra 2, quando em conjunto com processadores multi-core ARM de elevado desempenho, estão cada vez mais presenes em novos aparelhos, (smartphones e tablets), já se conseguem desempenhos ainda superiores ao XOOM, em aparelhos muito mais pequenos.

Quando a tecnologia, muda drasticamente de 6 em 6 meses, será que compensa gastar mais de 500€ neste tipo de aparelhos? Ou será que o maior salto tecnológico já foi dado, e a partir de agora, já vale a pena investir nestes aparelhos?

Mais detalhes no site do Motorola XOOM

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s