Google acaba com seviços impopulares, cria loja de Música



Para a Google, a Primavera não é a única época de limpezas, e a prova disso são as diversas API’S e serviços com fim anunciado.
Google Wave, Gears, Friend Connect, Kool, Bookmarks Lists, Search Timeline e Renewable Energy Cheaper than Coal são alguns dos serviços afectados devido à pouca popularidade, à competição com outras empresas e tecnologias já mais avançadas, ou melhor posicionadas para continuar a investir em tecnologias semelhantes.

Do outro lado da moeda, surgem serviços como a loja Google Music, com mais de 13 milhões de faixas disponíveis, repartidas pelas maiores editoras de música, este pretende ser a nova gigante do som.
O Google Music permite guardar as nossas faixas na nuvem, aceder aos ficheiros a partir de PC, ou Smartphone, ouvir musica, e claro, partilhar através da rede do Google +.
Com este serviço é também possível ouvir canções offline, caso estas sejam assinaladas para ouvir no dispositivo, ou seja, sem necessidade de ligação à Internet.

A Google Music, auxiliada pela populariedade dos smartphones Android, é uma loja bem posicionada no mercado, no entanto, tenho dúvidas se esta conseguirá chegar à altura do iTunes, ou de outros serviços semelhantes.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s