[SuperPost] Mac’s, iPad’s e mini’s


Toda a tradição tem um fim. Apenas 6 meses após o lançamento da 3ª versão do iPad, eis que surge o iPad de 4ª Geração e com este o primeiro iPad mini. Apesar do falecido Steve Jobs ter dado provas de que o mundo não precisava de um iPad mais pequeno, a competição pelos tablets de baixo preço obrigou a Apple a reconsiderar a sua posição no mercado.
Durante o evento de 23 de Outubro de 2012, a Apple aproveitou para lançar novos produtos. Na lista de aquisições, encontram-se novos portáteis MacBook Pro Retina de 13″ e 15″ com ecrãs de elevada definição, os pequenos Mac Mini, e iMacs mais refinados.


iMac
Este é o novo Mac de referência e um digno sucessor na competição Mac vs PC. Com design renovado e mais polido em relação aos antecessores, estes ecrãs quase fazem esquecer que trazem dentro de si um computador de elevado desempenho e hardware de topo.
Existe um modelo de 21.5″ e 27″, suportados por processadores Intel Quad-core i5 ou i7 até 3.4GHz, até 32GB RAM, e para a memória interna o utilizador pode escolher uma de três opções: discos rígidos ou discos híbridos Fusion Drive (Flash+HDD) até 3TB, ou Flash até 768 GB. O processamento gráfico é garantido pelas Nvidia GeForce 640M para o modelo de 21″, ou GTX 660M/675MX/680MX no modelo de 27″. Os preços destes modelos começam a partir dos 1299 dólares.


Mac mini
Os ultraPC’s (não me batam por causa disto xD) ou neste caso, o ultra pequeno Mac mini é uma solução para quem precisa do desempenho total de um computador em pouco espaço, ou do desempenho deste como servidor.
O Mac mini é suportado por um processador Intel core i5 ou i7, memória interna até 1TB HDD,Fusion Drive ou 256GB Flash e até 16GB RAM. O desempenho gráfico é garantido por uma Intel HD 4000.
Como solução de conectividade existem 4 portas USB 3, portas Thunderbolt e HDMI, Ehternet, Audio In/Out, entrada para cartões SDXC e porta FireWire 800. Segundo a Apple, este é o seu produto com maior eficiência energética da família.
O preço deste modelo começa nos 599 dólares.

MacBook Pro com Ecrã Retina
O ecrã é o ponto forte dos novos MacBook Pro Retina. Os dois modelos de 13″ e 15″ têm os dois ecrãs com mais resolução do mercado dos portáteis, 2560*1600 em 13″, e 2880*1800 em 15″. A memória interna é exclusivamente flash para melhor desempenho, auxiliada por um máximo de 16GB RAM. O chip gráfico da Nvidia 650M de 1GB e os processadores Intel i5 ou i7 não são novidade neste segmento. Acima da média são as suas 7 horas de bateria em utilização contínua. Os novos MacBooks Pro são dois dispositivos interessantes com muitas configurações disponíveis,  mas com preço capaz de desmotivar qualquer fanboy a partir de 1699 dólares.

iPad 4 e iPad Mini
Tablets há muitos e atrevo-me a dizer que muito do melhor hardware está presente nos tablets android e a Apple sabe disso. Mas são pequenas coisas funcionais e inteligentes que fazem as pessoas gostar mais de usar um iPad, já lá vão 100 milhões vendidos. 94% das 500 empresas mais ricas do mundo já aderiram ao iPad ou estão a desenvolver aplicações para este dispositivo, uma estatística muito forte e impressionante do poder social deste dispositivo.

O iPad de 4ª geração introduz o recente processador dual core da Apple A6X com chip gráfico quad-core (Nvidia Tegra 3?), grava vídeo HD 1080p com a sua câmara principal de 5MP, ou 720p com a câmara frontal de 1.2MP. Tal como a 3ª geração, este tem ecrã retina 2048*1536 e nas restantes características destaca-se o Dual Wi-fi para melhor conectividade sem fios e possibilidade de transmição de conteúdos em alta definição para uma HDTV.

O iPad mini tem um quarto da resolução de um visor retina, mantendo o mesmo rácio largura-altura no ecrã de 7.9″. Muitas das características são semelhantes ao iPad de 4ª geração, com excepção do processador A5X. Apesar de não ter o mesmo desempenho perante a versão maior do iPad, este tem muito menos ecrã para desenhar pixeis, anulando de certo modo a diferença de processamento gráfico entre os dois. O preço do iPad mini começa nos 329 dólares, e o iPad 4ª Geração pode ser adquirido a partir de 499 dólares.

Empreender e Aprender no iPad (iOS 6)

A Apple tem procurado novas formas de utilização para o seu gadget preferido, mas por vezes são as próprias empresas a pedir à Apple para criar conteúdos à medida.  Mais de 5600 institutos de ensino já aderiram ao uso do iPad como ferramenta lúdica escolar e com este a uma vasta gama de conteúdos específicos para as mais diversas disciplinas. Os livros electrónicos (ebooks) escolares interactivos com actualização contínua e controlo de versões são um dos pontes fortes desta nova vertente da Apple na educação.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s